REGRESSO ÀS AULAS: 0 papel fundamental da Inteligência Emocional

Share Image

Para muitas crianças e pais o início de cada ano letivo é marcado por alguma preocupação e ansiedade. Este ano em especial esta é uma realidade ainda mais...

O website PowerYou Alexandra e Carolina utiliza Cookies de modo a proporcionar-lhe a melhor experiência de navegação e aceder a todas as funcionalidades. Continuando a navegar no website, o utilizador concorda com o uso deles. Para informação mais detalhada, consulte a Política de Privacidade.

Cookies facultativos

REGRESSO ÀS AULAS: 0 papel fundamental da Inteligência Emocional

Para muitas crianças e pais o início de cada ano letivo é marcado por alguma preocupação e ansiedade. Este ano em especial, esta é uma realidade ainda mais evidente a que se juntam também os professores e todos os profissionais de educação, pelo facto de estarmos a viver um contexto de pandemia cheio de incertezas, de orientações incoerentes dadas pelas autoridades de saúde e de regras difíceis de aplicar em contexto escolar.Tudo isto gera muita insegurança nos adultos e consequentemente nas crianças que acabam por sentir o aparecimento de emoções como o medo e a ansiedade.

Isto será mau para as crianças?

Muitas pessoas poderão pensar que sim, mas não é necessariamente assim. Estas são excelentes oportunidades para as crianças ganharem ou construírem ferramentas essenciais à vida como, por exemplo, aprender a gerir as emoções perturbadoras que surgem.

Mas como assim? - Podem estar a pensar

Em primeiro lugar quero explicar que não existem emoções más ou boas. Existem emoções mais perturbadoras, de facto (como o medo, a raiva, a tristeza), e outras mais agradáveis (como a alegria, o afeto, etc.) de se sentir. No entanto todas são fundamentais à vida e surgem com um papel muito importante a desempenhar. Por isso, emoções perturbadoras e agradáveis vão aparecer ao longo de toda a vida, com ou sem pandemia, com ou sem regresso às aulas. Não vale a pena quererem que simplesmente desapareçam, não vale a pena quererem proteger as vossas crianças de senti-las ao longo da vida em diversas situações. A questão fundamental é saber lidar com elas. Esse é o desafio.

E é aqui que entra o papel fundamental da Inteligência Emocional. Não são os desafios em si que nos fazem mal, mas sim a forma como lidamos com eles.

Então o que é realmente mau?

Sentir estas emoções perturbadoras pode tornar-se mau quando não sabemos olhar para elas de forma consciente, quando não sabemos identificá-las, quando não sabemos perceber o que pretendem de nós e quando não sabemos como lidar com elas, como geri-las dentro de nós de forma a tirarmos um benefício maior.

E a estas habilidades de:

  • Ser capaz de reconhecer as emoções que estão a surgir em nós – dar um nome;
  • Ser capaz de perceber a razão pela qual estão a aparecer e o que pretendem de nós;
  • Ser capaz de autorregular-nos, ou seja, de não reagir de forma impulsiva a essas emoções que nos estão a perturbar e sim, geri-las de forma a tirar proveito delas e sair a ganhar com o seu aparecimento;

são habilidades que fazem parte da Inteligência Emocional.

Mas a Inteligência Emocional precisa de ser trabalhada e estimulada, de preferência desde bem pequeninos, tal como a Inteligência Cognitiva.

No entanto este trabalho não faz parte do currículo escolar, nem, na maior parte dos casos, da nossa educação em casa, porque ninguém nos preparou para isso. O que é uma pena, uma vez que os dados científicos que dispomos hoje em dia estimam que 80% do sucesso na vida depende da nossa Inteligência Emocional.

Então preparar as vossas crianças para lidar com as suas emoções é crucial, ainda mais no contexto que estamos a viver nos dias de hoje.

  • Uma criança que aprende a lidar com as suas emoções é uma criança mais segura e mais confiante;
  • É uma criança com uma autoestima mais equilibrada;
  • É uma criança mais apta ao sucesso escolar, pessoal e social

Neste regresso às aulas:

  • Ajude o seu filho/a a identificar as suas emoções;
  • Ajude o seu filho/a a descobrir e a reconhecer os efeitos que cada emoção provoca no seu corpo;
  • Ajude o seu filho/a a descobrir estratégias para lidar com esses sentimentos de uma forma mais positiva e benéfica para ele/a.

E se não sabe como o fazer sozinha peça ajuda. Contacte-nos para saber como podemos ajudar a estimular a Inteligência Emocional da sua filha ou do seu filho.

Por um ano letivo academica e emocionalmente bem sucedido ;)

Queremos ver crescer famílias felizes e de bem com a vida.

Desejamos um ótimo regresso à escola!

 

Mais sobre
    Comentários
    Outros artigos
      Não perca as novidades!
      Subscreva a nossa newsletter
      Também lhe pode interessar
      Sem eventos
      Os nossos programas

      Desenvolvemos 3 programas PowerYou focados em 3 áreas de atuação.

        Temos uma oferta para si
        Receba grátis este ebook.
        ebook
        Todos os direitos reservados.
        Alexandra e Carolina, Coaching + Guidance + Inspiration e PowerYou são marcas registadas.
        © PowerYou 2017-2020
        Todos os direitos reservados.
        Alexandra e Carolina, Coaching + Guidance + Inspiration e PowerYou são marcas registadas.
        © PowerYou 2017-2020
        Easypay
        Tem dúvidas?