Encontrou carinho à venda na loja de brinquedos?

Share Image

Há uns dias a mãe da Joana (de 5 anos) uma advogada bem-sucedida perguntou-nos qual a melhor prenda que podia oferecer à filha no dia da criança. Explicou que...

O website PowerYou Alexandra e Carolina utiliza Cookies de modo a proporcionar-lhe a melhor experiência de navegação e aceder a todas as funcionalidades. Para aceitar a sua utilização carregue em 'OK' e continue a sua navegação. Saiba mais

Encontrou carinho à venda na loja de brinquedos?

Há uns dias, a mãe da Joana (de 5 anos), uma advogada bem-sucedida, perguntou-nos qual a melhor prenda que podia oferecer à filha no dia da criança. Explicou que já tinha percorrido uma série de lojas e que não encontrava nada de diferente, nada que a filha ainda não tivesse, e que gostava de surpreendê-la e compensá-la de alguma forma por ser uma mãe tão ocupada. 

Alguém já encontrou carinho à venda na loja de brinquedos?

Não, pois não? Nem amor, atenção, brincadeira, nem sequer na prateleira do fundo? Ia jurar que, com o tempo que os pais dispendem nas lojas nestes dias para compensar os filhos, era com esses presentes que iam surpreender os mais novos.

Vamos ser claros. Com a vida que mãe da Joana tem, ou trabalha para levar dinheiro para casa, ou senta-se no fim do dia para dar 15 minutos de atenção à sua filha. Não tem tempo, é verdade. Mas “perdeu” meia hora nas lojas à procura daquele brinquedo em que a filha vai fazer um “UAU” no primeiro instante, usar durante dez minutos nos próximos meses e que depois vai acabar no cesto onde estão todos os outros.

Lembra-se de como foi a sua infância? A fazer penteados às bonecas e a pintar as unhas com o verniz da sua mãe, enquanto o seu irmão jogava à bola com os amigos na rua? De brincarem todos juntos nos quintais uns dos outros e de passar as férias ao ar livre?

Agora experimente colocar-se no lugar da Joana? O que acha que mais deseja?

Será que ela não preferia passar algum tempo de qualidade com a mãe a fazer alguma atividade, por mais simples que seja, em vez de receber mais um equipamento eletrónico daqueles que ou acabam dentro da gaveta do costume, depois do entusiasmo inicial, ou “hipnotizam” as crianças por horas a fio (o que alguns acham que dá imenso jeito para não chatearem muito).

Eu podia dar uma lista interminável de ideias para fazerem neste Dia da Criança, mas acho que cada mãe, melhor do que ninguém, conhece os seus filhos. Ou talvez seja este o momento de conhecer uma outra faceta das crianças que ama, talvez elas prefiram o ar livre e não o peçam por temer que a mãe tenha alguma desculpa, como todas as outras que saem quase automáticas quando eles pedem um pouco de atenção. Lavar a loiça, dobrar a roupa, preparar o jantar… alguma familiar?

Assim como no caso da Joana, nenhum brinquedo será melhor do que a presença inteira dos pais, sem telemóveis, ou outras distrações, a interromper o momento. Carinho, amor, atenção, a demonstração de que são importantes, acredite, é o que as crianças mais desejam, mesmo que não o digam explicitamente.

Deixe tudo por meia hora, por quinze minutos, se não conseguir mais, ensine-lhes uma brincadeira da sua infância e inunde-os em cócegas, abraços e beijos. E sempre que conseguir, deixe tudo por fazer por uma manhã ou uma tarde e passeie com eles, vá ao cinema, essas horas vão valer ouro no futuro. 

E esses, garanto, não se compram. Não quer dizer que não lhes possa dar presentes, mimá-los, mas não porque o calendário comercial diz que é Dia da Criança. O amor de mãe não tem data marcada. 

Abraço com carinhoAlexandra e Carolina

Mais sobre
    Comentários
    Outros artigos
      Não perca as novidades!
      Subscreva a nossa newsletter
      Também lhe pode interessar
      Sem eventos
      Os nossos programas

      Desenvolvemos 3 programas PowerYou focados em 3 áreas de atuação.

        Temos uma oferta para si
        Receba grátis este ebook.
        ebook
        Todos os direitos reservados.
        Alexandra e Carolina, Coaching + Guidance + Inspiration e PowerYou são marcas registadas.
        © PowerYou 2017-2019
        Todos os direitos reservados.
        Alexandra e Carolina, Coaching + Guidance + Inspiration e PowerYou são marcas registadas.
        © PowerYou 2017-2019
        Easypay
        Tem dúvidas?